A vida em movimento!

Castelo de Himeji

o castelo mais visitado do Japão

Castelo de Himeji - Principal
0

O Castelo de Himeji sobreviveu a tomadas de poder, batalhas e até à Segunda Guerra Mundial. Hoje é um Tesouro Nacional e desde 1993 é considerado Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco.

É o mais visitado do Japão e junto com Matsumoto-jo (o mais próximo de Tokyo) e o Kumamoto-jo formam os Três Famoso Castelos do Japão.

Composto por 83 edificações (algumas apenas de madeira), é exemplo de um dos mais elaborados mecanismos de defesa.

Seus confusos labirintos no acesso que conduz até a fortaleza principal, portões, muralhas e fossos estão organizadas de maneira a confundir as forças invasoras.

A espiral em volta do castelo possui muitos caminhos sem saída para criar uma emboscada aos possíveis invasores que eram observados por cima.

Como chegar ao Castelo de Himeji?

Localizado a pouco mais de 100 km de distância de Osaka e aproximadamente 500 km de Tokyo.
Possui acesso direto via Shinkansen (trem bala) a partir das principais cidades!

Ao chegar na Himeji Station, descendo do trem você já verá o castelo ao fundo! É fantástico!
Uma longa e reta avenida (lembrando vagamente a Champs-Élysées ao Arco do Triunfo) liga a estação até o Castelo, basta uma caminhada de aproximadamente 2,5 km e você estará no seu destino.

 

A saga

Por causa de alguns imprevistos com a nossa velocidade da viagem e os deslocamento entre as cidades, o Castelo de Himeji estava ficando fora dos planos.

Havíamos passado direto pela cidade de Himeji e já estávamos até Osaka.

Porém, o Castelo de Himeji era um dos meus sonhos de consumo e não gostaria de deixar para uma próxima viagem.

Como já havíamos passado um dia em Osaka, durante o almoço decidimos botas as mochilas nas costas, pegar um Shinkansen e retornar até Himeji para visitar o castelo!

A viagem é rápida, porém, dependíamos do deslocamento até Osaka e torcer para o próximo horário disponível de trem bala até Himeji. Conseguimos! O trem bala nos deixaria em Himeji por volta das 15:30 hs.

Sabíamos que o acesso ao interior do castelo ficava aberto só até as 16 hs.
Então optamos por pegar um táxi e chegar mais rápido até lá.

Descemos do táxi, enfiamos as mochilas nas costas e começamos a correr pelos jardins de acesso:

Jardins ao redor do Castelo de Himeji
Jardins ao redor do Castelo de Himeji

Durante o percurso, escutamos o sistema de som anunciando em japonês e inglês que o acesso ao castelo iria fechar em 5 minutos e que os interessados deveriam passar pelo portão de acesso rapidamente!

Ainda faltavam algumas centenas de metros pra chegar até a bilheteria, comprar os ingressos (¥ 1000 aproximadamente R$ 36,00) e atravessar o portão.

Nesta hora você perde a sede, a vontade de ir ao banheiro e só fica pensando em todo o deslocamento que fez pra chegar até o castelo e ficar ali de fora no portão por causa de 1 minutinho… risos

Mas, deu tudo certo e fomos os últimos turistas a acessar o castelo naquela tarde!

Agora tínhamos mais 1 hora lá dentro pra curtir todo o interior do castelo de Himeji e subir até o seu último andar e olhar pela última janelinha!

 

Um pouco da história do Castelo de Himeji

(este é resumo que fiz da história, caso queira conhece-la por inteiro clique aqui)

Planejado e construído nos meados de 1300, no período Muromachi, quando ainda recebia o nome de Himeyama-jo.

Em 1331, Akamatsu Sadanori planejou um castelo na base do Monte Himeji. Porém, neste local já havia a construção do templo de Shomyoji. Por um curto período, os planos do castelo mudaram de mãos durante a Guerra de Kakitsu; e a família Akamatsu regressou após a Guerra de Ōnin.

Em 1580, com o castelo já bastante mal tratado, Toyotomi Hideyoshi tomou seu controle e Kuroda Yoshitaka construiu uma nova torre com três andares.

Após outras batalhas, em 1601, o Castelo de Himeji foi concedido a Ikeda Terumasa, o qual deu início a um projeto de expansão que durou quase 10 anos e o qual trouxe ao castelo, sua forma atual.

O Castelo de Himeji ainda sofreu com diversos ataques durante as batalhas dos próximos anos.

A estrutura externa do Castelo de Himeji
A estrutura externa do Castelo de Himeji

Em 1871, foi vendido em leilão por um valor de 23 yenes (atualmente 153 dólares).

No entanto, o custo de desmantelar o castelo era irrisório e como resultado o complexo foi completamente abandonado.

A torre principal foi restaurada em 1910, ao custo de 90.000 yenes retirados dos fundos públicos.

Porém, em 1945 no final da Segunda Guerra Mundial, a cidade de Himeji foi bombardeada.

Apesar da maior parte da área circundante ter sido completamente incendiada, o castelo sobreviveu sem sofrer danos.

Os últimos esforços para restaurar o castelo começaram em 1956.

Neste processo foram usados apenas equipamentos e métodos tradicionais, concluído em 1964 para o deleite de nós visitantes!

Em 2015 seu exterior passou por uma grande reforma onde ficou coberto por tapumes.

Agora em 2017 quando fomos, todas as suas áreas já estavam totalmente disponíveis para visitação!

As belezas do Castelo de Himeji

Infelizmente não pude ir até o Castelo durante a época da primavera, onde os sakuras (cerejeiras) adicionam muita beleza aos imensos jardins externos ao redor de todo o castelo!

Mesmo assim, peguei uma incrível paisagem de outono que era observada pelas dezenas de janelas do castelo:

O Castelo de Himeji durante o outono
O Castelo de Himeji durante o outono

 

A avenida que mencionei anteriormente, é possível de ser vista de dentro do castelo também.
Todos estes jardins e área externa são acessíveis ao final do passeio.

Alguns deles, mesmo após o horário de encerramento, por não estar numa área reservada.

Castelo de Himeji - Os jardins e a grande avenida de acesso
Castelo de Himeji – Os jardins e a grande avenida de acesso

O interior do Castelo de Himeji

Com a visita ao interior, é possível imaginar o tamanho e a densidade desta fortaleza.

Prepare-se para tirar seus sapatos e subir vários degraus para ter acesso completo ao castelo!

As escadarias internas do Castelo de Himeji
As escadarias internas do Castelo de Himeji

Em diversos pontos do passeio ao interior do castelo, encontrei senhores japoneses estupefatos e orgulhosos com a beleza do castelo.

A cada passo que davam pararam para admirar os cantos e detalhes da arquitetura.

Alguns chegavam a caminhar até estas fortes estruturas e bater nas madeiras maciças, imediatamente retornando com um sorriso de satisfação!

A bonita e robusta arquitetura interior, mesmo o objetivo principal sendo a defesa
A bonita e robusta arquitetura interior, mesmo o objetivo principal sendo a defesa

A última janelinha

Depois de vários lances de escada, com as pesadas mochilas nas costas chegamos ao topo!

Vista do topo do Castelo de Himeji
Vista do topo do Castelo de Himeji

O sol já estava se pondo, e era hora do castelo fechar as portas…

Durante nossa descida, funcionários iam fechando as janelinhas e mantendo a organização do lugar.

Os guardas que encontrávamos, faziam uma referência um-a-um em sinal de respeito e agradecimento a visita!

 

De volta aos jardins do Castelo

Ao final do passeio, você estará novamente nos jardins.

A cada cantinho que você olha, é possível se emocionar com a beleza da arquitetura.

O Castelo super branco, estava amarelo graças ao brilho do pôr-do-sol.

Durante a saída é possível observar a imensidão do Castelo de Himeji
Durante a saída é possível observar a imensidão do Castelo de Himeji

 

O Castelo de Himeji a noite

Outro cartão postal famoso do Japão, é este castelo durante a noite.

Como pegamos o pôr-do-sol, em poucos minutos pudemos observar as luzes iluminando o brilhante castelo.

Também conhecido por Hakuro-jō ou Shirasagi-jō, em menção à uma Garça (por causa da sua coloração totalmente branca).

O anoitecer no Castelo de Himeji
O anoitecer no Castelo de Himeji

 

Fomos gratificados por toda esta beleza e valeu cada segundo da correria para entrar a tempo no Castelo!

Acredito que este sorriso seja um ótimo resumo do passeio:

A saga ao Castelo de Himeji, concluída com sucesso!
A saga ao Castelo de Himeji, concluída com sucesso!

 

Maiores informações no site oficial do Castelo de Himeji (em inglês).

 

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.