A vida em movimento!

Pratinha, Lapa Doce e Morro do Pai Inácio na Chapada Diamantina

passeio de 1 dia por várias belezas naturais da Chapada Diamantina

Chapada Diamantina - Rio Pratinha
0

Neste dia de passeio visitamos a Pratinha, Lapa Doce e Morro do Pai Inácio.
Incluindo também passagens pelo Rio Mucugezinho, Poço do Diabo e a Gruta Azul.

O passeio leva o dia inteiro, saindo da pousada logo cedo (08hs) e retornando ao final do dia (por volta das 17hs).
Um deslocamento de mais ou menos 150 km considerando ida e volta.

Rio Mucugezinho e Poço do Diabo

Logo no começo do roteiro, passamos por um local de banho e a companhia de uma linda cachoeira.
As águas são super tranquilas e você pode se aventurar mesmo sem colete.

A cachoeira deságua no poço, formando uma imensa piscina com água super límpida e com coloração de coca-cola, por causa dos tipos de arvores existentes ao longo da rota do rio.

Rio Mucugezinho

O local é muito próximo da estrada e logo depois você já está pronto para seguir até a Pratinha.

Pratinha

A “fazenda da Pratinha” hoje em dia, está em área particular.
Por este motivo, foram criados vários atrativos para explorar a região.

É um pouco de gosto duvidoso, porque dá a impressão de que algumas coisas não se aderem muito bem naquela linda natureza. Porém, é um lugar que você deve conhecer!

As águas do Rio Pratinha são impressionantes.

É cobrada uma entrada para a fazenda (geralmente já incluso no roteiro das agências de turismo).
E lá dentro, você pode usufruir de outros atrativos a parte (tirolesa, pedalinho, bares, etc).

Uma das atrações inclusive é o mergulho dentro da Gruta da Pratinha, onde os casais aproveitam para fazer lindas imagens submersas.

Chapada Diamantina –
Gruta da Pratinha

Não fui conhecer o interior da gruta, mas aproveitei para me banhar no lindo Rio Pratinha.
Você pode descer de tirolesa ou por uma trilha e chegar neste paraíso:

Chapada Diamantina –
Rio Pratinha

Gruta da Lapa Doce

É uma imensidão tanto na beleza, quanto no tamanho.

Possui 17 km já mapeados, onde destes 850 metros estão liberados para visita monitorada.
É considerada a terceira maior gruta do Brasil.

Logo na entrada, com o tamanho da boca da gruta você já vai ter ideia do que irá encontrar.

Chapada Diamantina –
Gruta da Lapa Doce

Infelizmente minha camera não estava muito bem ajustada para fotos noturnas e não consegui boas imagens.

O passeio leva em torno de 1h30 e posso destacar que a maior emoção é quando o guia faz todos apagarem suas lanternas para apreciar a total escuridão e silêncio do local.

 

Morro do Pai Inácio

Provavelmente este seja um dos cartões postais mais marcantes da Chapada Diamantina.
Localizado no município de Palmeiras (apenas 22 km de Lençóis).

Este trecho do passeio fica para o final do dia para todos acompanharem um belíssimo pôr-do-sol.
Fica a 1.120 metros de altitude e permite uma vista panorâmica de toda a região da Chapada.

Você só precisará de um pouco de preparo físico para subir 360 degraus que levará em torno de 20 minutos.
Após isso, você já estará em meio a paz desta linda paisagem:

Chapada Diamantina –
Morro do Pai Inácio

Uma atração a parte é ouvir a história que os guias contam sobre a lenda do Pai Inácio (uma história de amor envolvendo um escravo e a sinhazinha, filha do fazendeiro antes da Lei Áurea).

Tudo isso acompanhado desta maravilhosa visão:

Chapada Diamantina –
Morro do Pai Inácio

 

A vista panorâmica é impressionante porque te permite um giro de 360 graus vendo todas as belezas das formações rochosas, e aos poucos o sol vai se pondo e criando cores inacreditáveis:

Chapada Diamantina –
Morro do Pai Inácio – Começo do pôr-do-sol

De repente o sol vai dormir, para voltar mais belo no outro dia.
É nesta hora também que iniciamos a caminhada descendo todos os degraus para retornar à pousada:

Chapada Diamantina –
Morro do Pai Inácio – Pôr-do-sol

 

Este post faz parte de um roteiro completo de viagem, confira:
10 dias na Chapada Diamantina

Grande abraço e boa viagem!

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.