A vida em movimento!

Templo Narita-san Shinsho-ji

já são 1000 anos de história!

Entrada do Templo Naritasan
0

Mais de um milênio de história distribuídos num enorme complexo é o que você vai encontrar ao visitar os jardins e o Templo Narita-san!

Localizado na província de Chiba e muito próximo ao principal aeroporto do Japão (Narita), este templo foi fundado em 940 para comemorar a vitória das forças Heian-kyo despachadas de Kyoto para conter uma revolta ordenada pelo poderoso samurai “Taira no Masakado”.

Um religioso que acompanhou as forças levou consigo uma imagem de Acala (uma deidade do budismo – o mais conhecido dos 5 Reis da sabedoria) vinda da região de Kyoto que está a mais de 500 km de distância.

A lenda diz que com a vitória,  a imagem de Acala tornou-se muito pesada para retornar à sua origem e então o templo foi estabelecido ali mesmo no local da vitória.

Acesso

O mais recomendável é chegar lá de trem.

As estações mais próximas são a Keisei Narita e a Narita da JR, na linha que faz acesso direto ao aeroporto (10 minutos de trem).
Independente da estação que você escolher, basta uma curta caminhada pela pitoresca e famosa Omotesando.

Omotesando

Esta é a rua que saindo da estação dará acesso ao templo.

Uma gostosa caminhada por esta antiga arquitetura, passando por lojinhas com souvenirs e comidas típicas da região como o unagi (enguia).

Omotesando
A pitoresca rua Omotesando

A caminhada até o templo deve ter pouco mais de 1 km e um outro atrativo são as estátuas dos 12 animais do horóscopo chinês.

Segundo uma antiga lenda chinesa, Buda convidou todos os animais da criação para uma festa de Ano Novo, prometendo uma surpresa a cada um deles. Apenas 12 compareceram e ganharam um ano, de acordo com sua ordem de chegada: o Rato ou Camundongo; O Boi ou Búfalo; o Tigre; O Coelho; o Dragão; a Serpente ou Cobra; o Cavalo; a Cabra, Bode ou Carneiro; o Galo ou Galinha; o Macaco; o Cão; o Porco ou Javali.

O cão do horóscopo Chinês
O cão do horóscopo Chinês

Meu signo é o Macaco (que dizem ansiar por diversão, sendo otimistas e com ideias afiadas também sendo bom ouvintes e que lidam bem com situações complicadas). Saiba mais sobre o Horóscopo Chinês.

Se dizem que o Macaco é tão alegre, de quem foi a ideia de fazer a escultura com esta cara? risos

O macaco "feliz" do Horóscopo Chinês
O macaco “feliz” do Horóscopo Chinês

Unagi na Omotesando

O Unagi (carne de enguia de água doce) é uma das comidas típicas da região.

Lá eles preparam ao vivo para você, o Unaju (um prato com fatias de enguia servidos sobre uma cama de arroz).

Preparação do Unagi (enguia)
Preparação do Unagi (enguia)

Nesta mesa acima podemos ver a linha de produção.
O senhor retira uma enguia viva do balde de água, prende-a com um prego na mesa e faz a retirada das vísceras e da espinha.

Em seguida passa ao assistente que é encarregado de colocá-lo cuidadosa nos espetinhos que irão à brasa até o momento de ser servido.

O Unaju pronto!
O Unaju pronto!

Sou grande adorador da culinária japonesa, desde os peixes crús até os ramens.

Porém, confesso que a enguia não entrou pra lista dos meus pratos preferidos no Japão.
O molho é bem mais adocicado do que eu estava esperando, mas valeu a experiência.

O Templo Narita-san Shinsho-ji

Ao final da caminhada nesta rua, você chegará até a entrada do templo.

Entrada do Templo Narita-san Shinsho-ji
Entrada do Templo Narita-san Shinsho-ji

Subindo uma escadaria, você se depara com esta enorme lanterna vermelha:

Acesso ao Templo Narita-san Shinsho-ji
Acesso ao Templo Narita-san Shinsho-ji

E só então, terá total dimensão do tamanho do templo, que conta com 2 pagodas, uma de 3 andares e 25 metros de altura (construída em 1712) e outra de 58 metros de altura adicionada apenas em 1984.

Existem também vários salões para diferentes finalidades (prosperidade nos negócios, realização amorosa, fortuna, etc).

Salão de orações e ritual de oferenda que são inclusive registrados como patrimônio cultural nacional.

Um dos enormes salões do Narita-san
Um dos enormes salões do Narita-san

Esta é a maior das pagodas, já no acesso ao parque e jardim do Narita-san:

Pagoda com 58 metros de altura no Narita-san
Pagoda com 58 metros de altura no Narita-san

O Parque Narita-san

Anexo ao templo, temos o Parque Narita-san que é de beleza indescritível no outono!

Inaugurado apenas em 1928, possui 16,5 hectares com fonte, lago de carpas, árvores de ameixa, cerejeiras e até uma cachoeira!

A fonte já rendeu bons cliques, porque estava testando a Nikon 5600 que havia de ter adquirido e ainda aprendendo a utilizar:

Fonte nos jardins do Narita-san
Fonte nos jardins do Narita-san

O parque é enorme e com um pouco mais de caminhada, você chega até o lago de carpas e tartarugas.
Ao lado temos um setor onde é possível fazer pic-nic, já pensou que beleza uma manhã de domingo nesta paisagem?

Narita-san e seu lago de carpas
Narita-san e seu lago de carpas

Minha visita foi no começo do outono, então dei sorte de pegar a mudança de cor da folhagem no entorno dos lagos:

Começo do outono no Narita-san
Começo do outono no Narita-san

Em alguns cantinhos já era possível ver a folhagem vermelha se formando.
No parque algumas placas avisavam que a paisagem de outono estaria completa dali 1 mês.

Outono no Narita-san
Outono no Narita-san

Quase no fim da caminhada, ainda encontrei esta pequena cachoeira:

Cachoeira dentro do parque do Narita-san
Cachoeira dentro do parque do Narita-san

 

Neste dia de visita ao templo e parque, tirei aproximadamente 250 fotos.

Ao remover as duplicadas e tremidas, consegui reduzir para 130 que considerei importantes.
Aqui fiz apenas um resumo com algumas das melhores imagens.

Então, imaginem a grandiosidade deste lugar?

Recomendo demais a visita.
É um belo cartão de visita logo na chegada ao Japão, para você ter uma noção de como os japoneses capricham e cuidam de cada cantinho!

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.